Dicas para viajar de avião com crianças pequenas

dicas-para-viajar-de-aviao-com-criancas-pequenas-1

Viajar de avião com crianças pequenas não é uma tarefa simples! Cada família tem seus “truques” para tentar proporcionar aos pequenos uma viagem tranquila mas que nem sempre saem de acordo com o planejado.

O cansaço, a falta de espaço, ansiedade são apenas algumas situações que podem transformar a viagem mais longa do que o normal.  A única certeza é que quanto menor for a criança, mais coisas na bagagem de mão levamos.

Preparamos algumas dicas para tentar auxiliar nossos leitores. Esperamos que elas possam ser úteis em sua próxima viagem:

Medicamentos – Converse com o pediatra e peça uma lista de remédios que você deve levar na viagem. Muitos remédios e medicamentos que estamos acostumados a comprar livremente no Brasil, nos Estados Unidos só são vendidos com prescrição médica. Coloque na bagagem de mão analgésicos, anti-térmicos e remédios para enjoo. Lembrado que líquidos tem que estar em embalagem transparente de no máximo 100ml.

dicas-para-viajar-de-aviao-com-criancas-pequenas-2

Distrações – Leve alguns brinquedos que não façam barulho, cadernos de atividades, giz de cera, lápis de cor, cartas, livros, entre outros. Evite brinquedos com muitas peças porque o espaço é pequeno. Importante pensar no peso, pois quem carrega são sempre os adultos!. Procure oferecer uma novidade, um brinquedo novo. Isso vai garantir algumas horas da atenção deles.

Tablet – É sem dúvida uma ótima opção. Baixe aplicativos e jogos. Garantia de 1 a 2 horas de atenção deles. Siga as instruções dos comissários de bordo sobre quando é possível ligar o aparelho.

Roupas – Em caso de crianças com menos de 3 anos, o ideal será de uma ou duas mudas de roupa completas. E também uma calça e uma blusa para o adulto acompanhante. Acidentes acontecem e ninguém gosta de desembarcar com manchas de comida, bebida, entre outros.

dicas-para-viajar-de-aviao-com-criancas-pequenas-4

Alimentos – Inclua na bagagem de mão biscoitos, chocolates, sucos ou achocolatados (lembrando de verificar as exigências de embarque com líquidos e alimentos). As refeições servidas durante o voo nem sempre são as melhores. Alguns petiscos e doces podem acalmar os ânimos. Frutas nem sempre são boas opções nestes casos pois elas podem estragar. Algumas companhias possuem um cardápio próprio para crianças. Consulte sua companhia aérea. As papinhas de bebês, podem ser aquecidas no avião. A equipe de bordo também ajudará com a água quente para misturar com o leite em pó.

Melhor horário – Para viagens internacionais prefira os vôos noturnos pois as crianças poderão dormir boa parte do trajeto. As fileiras do meio ajudam muito em caso de uma famílias com 3 ou 4 pessoas, pois os adultos podem ir nas pontas e as crianças no meio.

dicas-para-viajar-de-aviao-com-criancas-pequenas-5

Higiene – Leve forros descartáveis para assentos de vasos sanitários, lenços de papel e lenços umedecidos. Pode acreditar que serão úteis até mesmo para você! Ao longo da viagem os banheiros vão ficando intransitáveis.

Fraldas – Melhor pecar pelo excesso do que pela falta. Troque várias vezes, pois assim não corre o risco de vazamentos e com isso preservará as roupas de reserva. Se conseguir, use a própria poltrona do avião para a troca. Só leve ao banheiro se for mesmo necessário. Lembre-se que os banheiros dos aviões não são os lugares mais limpos do mundo.

Documentos – Passaporte das crianças, cópias autenticadas das certidões de nascimento, autorização de menores desacompanhados (caso estejam viajando sozinhas ou com apenas um dos pais).

7

Na descida do avião – Algo muito comum e que incomoda as crianças é a descompressão na hora da descida. Isso dói o ouvido! A dica é faze-las beber leite, água ou suco na mamadeira ou até mesmo oferecer o peito para aqueles que ainda amamentam. Já as crianças maiores, ofereça gomas de mascar (chicletes), que ajudam a movimentar as mandíbulas. Mas se nenhuma das dicas acima puderem ser aplicadas, converse com as crianças maiores que pode o ouvido delas poderá incomodar e que tentem ir abrindo e fechando boca, repetidamente. Assim o susto será menor mesmo que venha a doer.


Curta nossa página Página no Facebook e receba diariamente as principais notícias, dicas e informações sobre a cidade de Orlando e seus parques.

Comentários

Author: Carlos Carvalho

Criador e administrador do site Parques de Orlando. Desde 2012 informando diariamente as principais noticias sobre a cidade de Orlando e seus parques.

Share This Post On